Papel da DPP4 na fisiopatologia das doenças cardiovasculares

Resumo: A enzima dipeptidil peptidase IV (DPP4) é uma serino protease que pode ser encontrada ancorada na membrana celular em diversos tecidos ou ainda na forma solúvel no plasma. Substratos da DPP4 como o peptídeo natriurético cerebral (BNP), peptídeo-1 semelhante ao glucagon (GLP-1) e o fator-1 alfa derivado do estroma (SDF-1α) são de grande importância no sistema cardiovascular. Dados recentes do nosso grupo demonstram que na Hipertensão arterial e na Insuficiência Cardíaca (IC) há uma participação significativa da DPP4, e sua inibição promove efeitos cardio-, reno- e vasculo-protetores. No entanto, não se sabe ainda nada a respeito de qual(ais) fator(es) presente(s) nestas situações pode(m) elevar a DPP4. Neste projeto, que é parte integrante de uma grande força tarefa interinstitucional que pretende avaliar a relação entre diferentes mecanismos envolvidos na fisiopatologia de doenças cardiovasculares e a regulação da DPP4 em ratos e humanos, propomos avaliação dos efeitos da hiperatividade simpática, da inflamação e da ativação do sistema renina angiotensina sobre a atividade e expressão da DPP4 em ratos. Sabe-se que esses fatores são pontos chaves na fisiopatologia da Insuficiencia cardíaca. Para isso, tentaremos avaliar diferentes modelos animais em que esses fatores sejam estimulados. Ainda, no modelo de IC por infarto agudo do miocárdio em ratos, temos o objetivo de estudar o papel desta enzima seja como um possível marcador biológico seja como um agente participante na fisiopatologia da descompensação na IC.

Data de início: 2017-05-19
Prazo (meses): 99

Participantes:

Papelordem decrescente Nome
Aluno Mestrado BRUNA COELHO DE OLIVEIRA
Coordenador LEONARDO DOS SANTOS
Vice-Coordenador Valerio Garrone Barauna
Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Marechal Campos, 1468 - Bonfim, Vitória - ES | CEP 29047-105