ASPECTOS NEUROANATÔMICOS, NEUROQUÍMICOS E NEUROCOGNITIVOS DE UM MODELO TRANSLACIONAL DE TRANSTORNO DE PÂNICO

Resumo: O presente projeto examinará aspectos moleculares tanto dos ataques de pânico (AP) à estimulação da matéria cinzenta periaquedutal (MCPA) quanto dos efeitos de modelos pré-clínicos de depressão e estresse na infância sobre o pânico experimental. O projeto também examinará a influência do estado do eixo hipotálamo-hipófise-adrenal (HHA) no desenvolvimento da agorafobia. O projeto fornece continuidade aos estudos do nosso laboratório que combinaram o modelo de AP por estimulação da MCPA com modelos de ansiedade de separação na infância e depressão. Estes estudos mostraram que o isolamento social neonatal (ISN) por 3 h diárias ao longo da amamentação (21 dias) facilita os AP induzidos por estimulação da MCPD dos ratos adultos. Contudo, não sabemos se o efeito foi causado pelo isolamento social em sí ou pelo excesso de zelo da mãe (lamber, cheirar, carregar) que “mima” o filhote isolado no momento da reunião. Também permanece obscuro se o ISN terá os mesmos efeitos se for limitado ao “período hiporresponsivo ao estresse” (dias pós-natais 4 a 14), no qual a separação materna tem efeitos marcantes na programação do eixo HHA. Resultados não publicados de nosso laboratório também demonstraram que o pânico experimental é facilitado no modelo de depressão por bulbectomia olfatória de ratos jovens. Contrariamente, o pânico experimental foi inibido no desamparo aprendido (learned helplessness), um modelo similar à “depressão reativa” de humanos. Adicionalmente, o presente projeto utilizará a imunoistoquímica da proteína c-fos para examinar as áreas da MCPA e de outras regiões de interesse que são ativadas no pânico respiratório induzido pela administração de cianeto de potássio em ratos livres e não anestesiados. Por fim, examinaremos as conseqüências cognitivas da ausência de ativação do eixo HPA no desenvolvimento de AP situacionais e de sua provável generalização em agorafobia.

Data de início: 2016-03-01
Prazo (meses): 36

Participantes:

Papelordem decrescente Nome
Aluno Doutorado Caroline Azevedo Rosa
Aluno Doutorado Ana Cristina Borges de Aguiar Bissoli
Aluno Mestrado Marcele Lorentz Mattos de Souza
Coordenador Luiz Carlos Schenberg
Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Marechal Campos, 1468 - Bonfim, Vitória - ES | CEP 29047-105