PAPEL DA MATÉRIA CINZENTA PERIAQUEDUTAL NA MEDIAÇÃO DAS RESPOSTAS COMPORTAMENTAIS DE RATOS AO CIANETO DE POTÁSSIO, DIÓXIDO DE CARBONO E LACTATO DE SÓDIO

Resumo: Atualmente, considera-se o transtorno de pânico (TP) distinto tanto da ansiedade generalizada quanto das fobias, obsessões e transtornos de estresse. De fato, os ataques de pânico podem ser precipitados pela infusão endovenosa de lactato de sódio (0,5 M) ou pela exposição dos pacientes a níveis de CO2 (5%) que carecem de qualquer efeito em indivíduos sadios. Os comportamentos vigorosos de defesa (galopes e saltos) produzidos pela estimulação elétrica da matéria cinzenta periaquedutal dorsal (MCPAd) de ratos têm sido propostos como um modelo de ataque de pânico. De fato, estes comportamentos são atenuados pela administração crônica de panicolíticos em doses e regimes similares àqueles da farmacoterapia do pânico. Mais importante, mostramos recentemente que doses subletais de cianeto de potássio (KCN), um agente causador de hipóxia citotóxica, eliciam respostas similares àquelas produzidas por estimulação da MCPAd. Adicionalmente, a lesão eletrolítica dessa estrutura causou a abolição ou uma forte atenuação dos comportamentos de defesa produzidos pelo KCN. Estes dados corroboram a hipótese de que os ataques de pânico sejam alarmes falsos de sufocamento mediados pela MCPA. Mostramos ainda que o CO2 age de maneira oposta ao KCN, aumentando os limiares das respostas de defesa produzidas por estimulação elétrica da MCPAd. De fato, evidências da literatura sugerem que o KCN e o CO2 ativam os distritos dorsal e ventral da MCPA, respectivamente. O presente projeto examinará (1) os efeitos comportamentais do KCN em ratos com desnervação do seio carotídeo, (2) os efeitos da administração de lactato de sódio (EV, ICV ou local) sobre os limiares das respostas de defesa produzidas pela estimulação elétrica da MCPAd, (3) o efeito da administração crônica de panicolíticos (fluoxetina ou clomipramina) sobre as respostas ao KCN, (4) o efeito da lesão química de regiões dorsais e ventrais da MCPA sobre as respostas comportamentais ao KCN e CO2.

Data de início: 2009-11-01
Prazo (meses): 24

Participantes:

Papelordem decrescente Nome
Aluno Doutorado Fagna Giacomin Schimitel Brunóro
Aluno Mestrado Rubia de Souza Armini
Coordenador Luiz Carlos Schenberg
Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Marechal Campos, 1468 - Bonfim, Vitória - ES | CEP 29047-105