Efeitos da estimulação transcraniana por corrente contínua (TDCS) na cognição e na função motora de indivíduos com traumatismo craniano grave na fase subaguda: estudo controlado randomizado, duplo-cego

Resumo: A lesão cerebral traumática (TCE) é uma das principais causas de incapacidade e mortalidade em adultos jovens. As evidências científicas atuais mostram que, além do déficit motor, o comprometimento cognitivo é um dos principais fatores limitantes em pacientes pós-TCE. O objetivo deste estudo é investigar os efeitos da estimulação por corrente direta (TDCS) na função cognitiva e na recuperação motora de pacientes após TCE agudo em comparação com um grupo controle. Trinta pacientes admitidos com TCE grave (Glasgow> ou = 8) participarão do estudo. O protocolo de estimulação será realizado na fase subaguda 5 vezes por semana, durante 4 semanas. Protocolos de avaliação cognitiva e avaliações motoras e funcionais serão aplicadas antes das aplicações do tDCS, 4 semanas após a aplicação do tDCS, 6 meses após e 1 ano após o tratamento do tDCS. Para a análise estatística, serão aplicados os testes de normalidade (teste). Se as variáveis ​​tiverem uma distribuição considerada normal e homogênea, serão aplicados os testes paramétricos para avaliação dos resultados (ANOVA bidirecional post hoc de Bonferroni e correlação de Pearson). Será considerado um nível de significância de 0,05, com um intervalo de confiança (IC) de 95% para todos os testes estatísticos.

Data de início: 2020-04-01
Prazo (meses): 48

Participantes:

Papelordem decrescente Nome
Aluno Mestrado Bárbara Naeme de Lima Cordeiro
Coordenador Fernando Zanela da Silva Areas
Pesquisador Lucas Rodrigues Nascimento
Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Marechal Campos, 1468 - Bonfim, Vitória - ES | CEP 29047-105