EFEITOS DO TREINAMENTO FÍSICO AERÓBICO SOBRE AS PROPRIEDADES CONTRÁTEIS E A BIOENERGÉTICA MITOCONDRIAL DE CARDIOMIÓCITOS DE RATAS OVARIECTOMIZADAS

Nome: Elis Aguiar dos Santos Morra
Tipo: Tese de doutorado
Data de publicação: 17/12/2018
Orientador:

Nomeordem decrescente Papel
Ivanita Stefanon Co-orientador
Rogério Faustino Ribeiro Júnior Orientador

Banca:

Nomeordem decrescente Papel
Dalton Valentim Vassallo Examinador Interno
Fausto Edmundo Lima Pereira Examinador Externo
Ivanita Stefanon Coorientador
Jose Geraldo Mill Examinador Interno
Rogério Faustino Ribeiro Júnior Orientador
Silvia Carolina Guatimosim Fonseca Examinador Externo

Resumo: O objetivo do presente estudo foi avaliar os efeitos do treinamento físico aeróbico (TF) sobre a contratilidade e a função bioenergética mitocondrial cardíaca em ratas ovariectomizadas. Foram utilizadas ratas Wistar (Rattus Norvegicus Albinus) Sham-Ovx, com 10 semanas de idade e divididas aleatóriamente em 4 grupos: Sham, Ovx, ShamEx e OvxEx. O protocolo de treinamento de corrida em esteira foi realizado 5 vezes por semana, com duração de 60 min/dia, por um periodo de 10 semanas. Quarenta e oito horas após a última sessão de treinamento, as ratas foram anestesiadas e submetidas a avaliação dos seguintes parâmetros: análise “in vitro” da mecânica miocárdica; função e morfologia mitocondrial cardíaca; avaliação do transiente de Ca2+ em cardiomiócitos isolados; produção mitocondrial de ânion superóxido em cardiomiócitos isolados; expressão de proteínas no lisado cardíaco e na mitocôndria isolada. Os principais resultados mostraram que a Ovx induziu hipertrofia e disfunção cardíaca, diminuindo a expressão da SERCA2 e aumentando a expressão protéica do fosfolambam. O TF restaurou a contratilidade miocárdica, os níveis de SERCA2, aumentou o transiente de cálcio em ratas ovariectomizadas, mas não alterou a expressão da proteína fosfolambam ou a hipertrofia cardíaca. Além disso, a Ovx diminuiu a quantidade de mitocôndrias intermiofibrilares e induziu fragmentação mitocondrial que foi acompanhada por diminuição dos níveis de mitofusina 1, PGC-1α, NRF-1, AMPK-α total e Tfam mitocondrial. O TF restaurou todas essas alterações, exceto para o mfn1. Essas alterações foram acompanhadas pelo aumento da probabilidade de abertura dos poros de permeabilidade mitocondrial induzida por Ca2+ em ambas as subpopulações. A Ovx também aumentou a expressão da proteína NOX-4 cardíaca, diminuiu a expressão mitocondrial de Mn-SOD, da enzima detoxificante, catalase, e aumentou a carbonilação de proteínas em ambas as subpopulações mitocondriais, que foram prevenidas pelo TF. Em conjunto, nossos resultados mostraram que o treinamento físico aeróbico preveniu a disfunção contrátil e o controle de qualidade mitocondrial cardíaca em ratas com privação hormonal.

Acesso ao documento

Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Marechal Campos, 1468 - Bonfim, Vitória - ES | CEP 29047-105